Alvaro Dias defende redução de juros para expandir crédito rural

Em sabatina realizada pela Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), o candidato do Podemos à Presidência, senador Alvaro Dias (PR), defendeu a redução da taxa de juros como forma de expandir o crédito rural. No evento, em Brasília, o presidenciável também se disse a favor da reintegração de posse de terras de forma sumária e da melhoria da infraestrutura do país para escoamento de safra.

“Se adotarmos uma política com taxas de juros compatíveis com a nossa realidade, o governo não precisaria subsidiar o crédito rural”, afirmou o parlamentar. Alvaro Dias ressaltou ainda que, nos últimos anos, o superávit comercial brasileiro vem ocorrendo por causa do desempenho do setor. “Certamente os governos ainda não entenderam o valor e a importância da agricultura”, assinalou.

A CNA representa 5 milhões de produtores rurais comerciais brasileiros, de pequeno, médio e grande portes e de variados ramos de atividade. Para uma platéia lotada, o candidato prometeu punir com maior rigor os invasores de propriedade privada no país. “Como um país pode ser leniente com invasões de propriedade privada?”, questionou. Ele afirmou que pretende trabalhar para que o Código de Processo Penal seja modificado, a fim de determinar a reintegração de posse sumária após a invasão da propriedade.

Alvaro Dias destacou que o Brasil precisa investir em logística e infraestrutura, em especial no transporte multimodal, como forma de melhorar o escoamento da produção. O parlamentar defendeu ainda a reforma tributária, como força motora para o desenvolvimento do país. Também prometeu melhorar o ambiente de negócios e atrair o investimento estrangeiro. “Investimentos estrangeiros foram expulsos pela corrupção e incompetência. Precisamos mudar nossa imagem para o mundo”, finalizou.

(texto: Fred Raposo)

Compartilhe esse post nas redes sociais!

Veja Também