sex geschichten - sex geschichten - sex stories - sex stories - xnxx - xnxx - xnxx - xnxx - porno - xhamster - xhamster - hd porno - hd sex - xvideos - xvideos - sex videos - xvideos - brazzers - sex geschichten - pornhub - redtube - sex geschichten - sex stories - xhamster - xnxx - xvideos - youporn - brazzers - brazzers - porno - porno - brazzers - youporn - brazzers - hd porno - xhamster - xnxx - xvideos - youporn - porno - xhamster - xnxx - xnxx - xnxx - xnxx - xvideos - youporn

Educação Cidadã de Renata Abreu tem Diego Garcia como relator

O Projeto de Lei 1108/2015, de autoria da deputada Renata Abreu, registrou as primeiras movimentações na Comissão de Educação da atual legislatura (2019-2022). O deputado federal Diego Garcia (Podemos-PR) foi designado relator da matéria e foi aberto prazo para o registro de eventuais emendas. A parlamentar propõe Educação Cidadã nas escolas, com Política e Direitos do Cidadão como disciplina obrigatória na grade curricular dos ensinos Fundamental e Médio. Educação, aliás, é a principal bandeira da parlamentar.

“Temos nitidamente um gargalo educacional com muitos conteúdos necessários somente para um vestibular, mas que pouco agregam para a vida em sociedade. Como podemos cobrar dos jovens que votem correto quando não damos a eles o mínimo de conhecimento para isso? Eles mal sabem seus deveres como cidadão?”, afirma Renata Abreu.

Para Renata, as pessoas saem das escolas sem saber a Constituição, sem saber o que fazem os governantes. Não sabem seus direitos, não sabem seus deveres. Isso é preocupante. “Com política e em cidadania, formaremos cidadãos com conhecimento e participando ativamente da política, dia a dia lutando por aquilo em que acreditam ser o melhor para o país.”

Sobre a designação do deputado Diego Garcia como relator na Comissão de Educação, Renata declara: “Trata-se de um parlamentar do nosso Podemos extremamente atuante e igualmente comprometido com propostas que fortaleçam a nossa Educação. Com essa formação escolar, teremos cidadãos com conhecimento de cidadania, participando ativamente da política e lutando com propriedade e bandeiras concretas porque conhecem a raiz dos problemas do Brasil”.

Com a designação do relator, fica estabelecido o prazo de cinco sessões, a partir da próxima segunda-feira (18), para a apresentação de eventuais emendas à proposta.

 

Compartilhe esse post nas redes sociais!

Veja Também