sex geschichten - sex geschichten - sex stories - sex stories - xnxx - xnxx - xnxx - xnxx - porno - xhamster - xhamster - hd porno - hd sex - xvideos - xvideos - sex videos - xvideos - brazzers - sex geschichten - pornhub - redtube - sex geschichten - sex stories - xhamster - xnxx - xvideos - youporn - brazzers - brazzers - porno - porno - brazzers - youporn - brazzers - hd porno - xhamster - xnxx - xvideos - youporn - porno - xhamster - xnxx - xnxx - xnxx - xnxx - xvideos - youporn

Podemos quer ampliação de recursos para continuidade do programa Minha Casa Minha Vida

A bancada do Podemos na Câmara busca soluções para a continuidade do Minha Casa Minha Vida em todo o país. Parlamentares do partido têm manifestado preocupação com o ritmo das obras e, em alguns casos, com a paralisação das construções do programa habitacional.

Para debater o tema, a Comissão de Desenvolvimento Urbano, presidida pelo deputado federal Pastor Marco Feliciano (SP), realizou audiência pública com o ministro do Desenvolvimento Regional, Gustavo Canuto, nesta quarta-feira (24).

“Quando o Podemos lidera uma ação como essa, ele dá uma demonstração que pensa no bem da população, principalmente a mais carente”, enfatiza Marco Feliciano.

Durante a audiência, o ministro confirmou o temor do Podemos. Segundo Gustavo Canuto, o programa só tem orçamento para poucos meses de execução regular.

“Só temos recurso orçamentário para seguirmos até junho. Estamos trabalhando com apoio da Casa Civil e junto ao Ministério da Economia para reverter a situação”, disse o ministro, que também pediu apoio dos parlamentares.

Autor do requerimento para a discussão sobre o Minha Casa Minha Vida, o deputado José Nelto (GO), líder do Podemos na Câmara, reforça o empenho do partido para encontrar soluções e evitar a paralisação do programa, o que poderia prejudicar milhões de brasileiros.

“Nós queremos uma alternativa, como empréstimos internacionais, abertura do mercado financeiro, para que instituições bancárias possam aplicar recursos na área da moradia”, propõe.

José Nelto lembra que são mais de 30 milhões de brasileiros sem moradia no país, enquanto há 55 mil autoridades com casa própria e que recebem R$ 5 mil de auxílio-moradia. “Não é esse o Brasil que nós, do Podemos, queremos”.

Ao fim da audiência, o deputado Pastor Marco Feliciano reafirmou o compromisso da Comissão de Desenvolvimento Urbano com o Governo Federal para trabalhar em parceria e fortalecer o Minha Casa, Minha Vida.

“Tenho certeza que quem ganha com isso é o Brasil”, diz Feliciano.

Compartilhe esse post nas redes sociais!

Veja Também