Senadores do Podemos discutem violência na sociedade que leva a tragédias como a de Suzano

Os senadores Styvenson Valentim e Lasier Martins, do Podemos, durante a reunião da Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa (CDH), nesta quinta-feira (14/03), lamentaram e continuaram a repercutir o massacre ocorrido em uma escola pública da cidade de Suzano (SP). No atentado, duas pessoas encapuzadas assassinaram ao menos oito pessoas, deixando diversos feridos. Os dois criminosos também morreram, totalizando em dez o número de mortos.

Ao ressaltar que o problema da violência não pode ser atribuído apenas aos políticos, aos professores e à polícia, o senador Styvenson Valentim, do Podemos do Rio Grande do Norte, falou da importância da participação dos pais no processo educativo das crianças e jovens. Ele apontou preocupação com o fato de que muitas pessoas têm sido influenciadas por jogos eletrônicos e questionou por que ninguém teve a atenção, por exemplo, de acompanhar o comportamento de um dos autores do massacre, o jovem Guilherme Taucci Monteiro, de 17 anos.

“Eu creio que ele deve ter família, alguém responsável por ele. Além da polícia civil, após o fato, por que ninguém antes teve a curiosidade de folhear o caderno para ver os desenhos de armas, pessoas mortas, versos satânicos e mensagens de ódio, como o que foi encontrado? E a gente vê a precariedade da segurança nas escolas. Escola não é esse ambiente para estar tendo essas chacinas, essa violência. Creio que se as crianças tivessem um mínimo acompanhamento psicológico isso poderia não ter acontecido”, afirmou.

Para o senador Lasier Martins, do Podemos do Rio Grande do Sul, os autores do massacre eram “psicopatas, com doença agravada pela convivência permanente junto aos conteúdos eletrônicos”. Ele também chamou a atenção para a responsabilidade dos pais ou responsáveis no acompanhamento desses jovens.

“Muitos não se preocupam e estão completamente desligados com a educação dos filhos, e isso acaba sendo transferido para os professores. Nos assombra é a possibilidade de esse fato de ontem servir de exemplo para repetições, assim como nos Estados Unidos vem acontecendo há muito tempo”, disse o senador Lasier.

Compartilhe esse post nas redes sociais!

Veja Também